De: Segunda - Sexta 8:00 - 17:00
E-mail: contato@medgest.com.br
De: Segunda - Sexta 8:00 - 17:00
E-mail: contato@medgest.com.br

MedGest e-SOCIAL

Atendimento do eSocial através do MedGest, Software para Medicina Ocupacional e Segurança do Trabalho.

Com o software MedGest, a sua empresa poderá atender as necessidades definidas pela RFB – Receita Federal do Brasil, referentes aos eventos de Saúde e Segurança do Trabalho.

Reduza riscos da sua empresa utilizando nosso software flexível, completo e configurável que poderá ser integrado ao seu sistema de Folha ou RH, possibilitando assim, a total Gestão do SESMT empresarial.

O MedGest está preparado para as informações desses dados.

O eSocial é um projeto do Governo Federal que visa unificar o envio de informações pelo empregador em relação aos trabalhadores que lhe prestam serviços.

O Decreto nº 8373/2014 instituiu o Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscal, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial). Por meio desse sistema, os empregadores passarão a comunicar ao Governo, de forma unificada, as informações relativas aos trabalhadores, como vínculos, contribuições previdenciárias, folha de pagamento, comunicações de acidente de trabalho, aviso prévio, escriturações fiscais e informações sobre o FGTS.

O projeto eSocial é uma ação conjunta dos seguintes órgãos e entidades do governo federal: Caixa Econômica Federal, Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, Ministério da Previdência – MPS, Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, Secretaria da Receita Federal do Brasil – RFB.

O Ministério do Planejamento também participa do projeto, promovendo assessoria aos demais entes na equalização dos diversos interesses de cada órgão e gerenciando a condução do projeto, através de sua Oficina de Projetos.

O eSocial substituirá a entrega das mesmas informações a que estão sujeitos os empregadores, seja por meio de formulários, declarações ou pelo SEFIP (Sistema Empresa de Recolhimento do FGTS e informações à Previdência Social).

A implantação do eSocial viabilizará a garantia aos direitos previdenciários e trabalhistas, racionalizará e simplificará o cumprimento o cumprimento de obrigações, eliminará a redundância nas informações prestadas pelas pessoas físicas e jurídicas e aprimorará a qualidade das informações das relações de trabalho, previdenciárias e tributárias.